Ao contrário do que se imagina a venda efetuada com cartão de débito ou crédito não assegura o recebimento do valor vendido.

Ocorre que as operadoras de cartões estipulam em contrato que em caso de oposição a venda o valor é debitado da conta do vendedor. Este problema acomete principalmente as vendas em lojas virtuais e por telefone.

O problema se chama CHARGEBACK que é um processo de devolução de uma transação (cancelamento da venda) devido a uma contestação realizada pelo titular do cartão de crédito junto ao banco emissor. Se o valor já tiver sido creditado ele será imediatamente estornado, ou lançado a débito no caso de inexistência de fundos no momento do lançamento do estorno.

O problema é maior do que se imagina e não ganha muita publicidade porque as administradoras de cartão não divulgam o volume de fraudes. Ele acontece na maioria das vezes com cartões de crédito e raramente, com os cartões de débito.

Os motivos mais comuns de  chargeback são:

Erro de processamento do Banco ou Operadora, erro no valor cobrado, mercadoria não entregue ou em desacordo com o pedido e fraude, onde o consumidor alega que não autorizou a compra.

Para maiores detalhes faça uma busca na internet sobre CHARGEBACK e tenha cuidados com esta modalidade de venda.

Para saber mais sobre cobrança  clique aqui,  porque assim você vai conhecer a obra Vendi e Não Recebi. Este material contém inúmeras dicas sobre cobranças, modelos de fichas de clientes, emails para cobranças e contratos de prestação de serviços.

No próximo boletim informativo, estaremos trazendo mais dicas para você.

ControleNaNet
www.controlenanet.com.br
contato@controlenanet.com.br